Como Estruturar um Programa de Saúde Mental Corporativo?


Você sabia que somente no Brasil os transtornos mentais estão no terceiro lugar no ranking das causas de afastamento do trabalho? Só no ano de 2011 estes transtornos levaram ao pagamento de mais de R$211 milhões de novos benefícios previdenciários.

De acordo com a pesquisa da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, alguns fatores no ambiente de trabalho aumentam a chance de ocorrência de afastamento do colaborador, como: pouco apoio social, excessivas demandas e baixo controle sobre as tarefas, recompensas inadequadas ao nível de esforço do trabalhador e o comprometimento individual excessivo.

A pesquisa, realizada pelo médico do trabalho João Silvestre da Silva, discuti os fatores associados ao afastamento do trabalho por transtornos mentais. “No Brasil, estes afastamentos estão atrás apenas dos traumas e doenças osteomusculares”, afirma Silva-Júnior, lembrando que, “de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em alguns anos se tornarão o principal motivo para os trabalhadores se afastarem do trabalho em todo o mundo”.

Os dados mais que revelam a necessidade de investigar as condições psicossociais do ambiente de trabalho com o objetivo de implantar ações de prevenção. Desta maneira, o desenvolvimento de projetos de atenção à saúde mental, integrados aos programas de qualidade de vida se tornam essenciais para a vida da organização.

As empresas precisam construir não somente processos produtivos de trabalho, mas também, em caráter fundamental, processos saudáveis, inclusive sob o aspecto da preservação da saúde mental.

Durante a 17º Edição do Congresso Brasileiro de Qualidade de Vida, que acontece de 20 a 22 de maio, no Instituto Sírio Libanês, em São Paulo (SP), serão discutidos temas relevantes como:

  • Distinguir o amplo campo da saúde mental do campo específico da doença mental;
  • A estruturação de programa corporativo para lidar com a saúde e a doença mental;
  • Os aspectos relacionados aos assédios nos ambientes de trabalho;
  • O que existe no mercado que possa dar suporte às necessidades das pessoas e organizações. O que é adequado para cada situação?

A ABQV acompanha de perto todas as tendências mundiais dos programas de qualidade de vida. Soluções inovadoras e sustentáveis que podem ser aplicadas dentro da qualidade de vida no trabalho, para gerar resultados mais eficazes nas ações de bem-estar, serão apresentadas ao público durante os três dias de Congresso.

Para saber mais sobre o Congresso Brasileiro de Qualidade de Vida, acesse o site e confira todos os detalhes sobre a programação de palestras e cursos.